Buscar
  • Studio 3R

Scania do Brasil reestrutura área de vendas e soluções




A Scania acaba de fazer uma reestruturação no Brasil. Com isso, Alex Nucci assume o posto de diretor de vendas de soluções de transporte. O executivo atuava como diretor comercial do braço financeiro da companhia, o Scania Banco. Logo, essa vaga foi ocupada por Fabio D’Angelo.

Com isso, D’Angelo deixou o posto de gerente de vendas de soluções de mobilidade. Por sua vez, a posição passa a ser de responsabilidade de Celso Mendonça. Logo, o executivo vai acumular a posição com a de gerente de vendas de soluções de potência.

Ou seja, trata-se de uma grande dança das cadeiras. Segundo a Scania, as mudanças têm relação com as transformações no mercado. De acordo com a empresa, assim será possível garantir um bom atendimento aos clientes.


Scania muda nome de áreas


“Nosso papel é estar próximos do mercado”, diz o diretor de vendas de soluções da Scania no Brasil, Silvio Munhoz. Ele se refere às áreas de caminhões, ônibus, serviços e motores industriais.

Bem como motores marítimos e para geração de energia. Entre os recentes lançamentos da marca no Brasil estão cavalos mecânicos movidos a gás.

Assim, a empresa mudou também os nomes das áreas. Ou seja, vendas de Soluções de Transporte (caminhões), Mobilidade (ônibus), Potência (motores) e Off-road (fora de estrada). “O cliente vai ganhar ainda mais benefícios da rede Scania. Graças à força de vendas personalizada”, diz Munhoz.


Gestores em novas posições


“Ter trabalhado em concessionárias e nos serviços financeiros traz uma visão mais completa do negócio”, diz Nucci. O executivo, aliás, não é a única novidade na área.

Nesse sentido, Wagner Tillmann, que era gerente das regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte, passa a comandar o Sudeste e o Sul. Assim, Alan Frizeiro, que cuidava dessas regiões, ganhou nova função. Ou seja, um projeto de preparação da força de vendas da Scania. Segundo a empresa, falta definir quem cuidará do Centro-Oeste, Nordeste e Norte.

Não houve mudança na área de vendas de Soluções off-road. Ou seja, Fabrício Vieira de Paula foi mantido na gerência do segmento. Segundo a empresa, as vendas do setor estão muito aquecidas.


Mudanças nos serviços financeiros


Por sua vez, D’Angelo se reporta a Martin Sörensson. O executivo passou a ser presidente dos Serviços Financeiros Scania no início deste ano.

“Uma nova etapa se inicia”, afirma D’Angelo. Ele ingressou na Scania em setembro de 2007. Inicialmente, atuava área de motores industriais, marítimos e para geradores de energia.


Novos desafios na mobilidade


Por fim, Mendonça, passa a acumular dois cargos. Trata-se de um desafio e tanto. Sobretudo porque o setor de ônibus vive um momento desafiador.

“Estamos buscando todas as alternativas possíveis, mas viáveis, para auxiliar os clientes”, diz. De acordo com Munhoz, Mendonça tem profundo conhecimento do produto.

“Logo, vem fazendo uma ótima gestão com os clientes e a rede. Sua experiência técnica de engenheiro será fundamental na preparação para as futuras novas gerações de chassis”, diz Munhoz.


Fonte: Estradão

0 visualização0 comentário